13 de julho de 2013

*Saiba identificar quando seu cão está com dor*


Saber quando seu cão está sentindo dor é fundamental para ajudá-lo. Os cães não podem falar e muitas vezes é difícil identificar dor em nosso animal de estimação.
Por isso acho que este post pode ajudar você a identificar se seu cachorro está precisando de ajuda!
Aqui estão sete sintomas de dor em cães.

1- Perda de apetite: Este sintoma muitas pessoas não associam a dor. Mas é um sinal de que algo não vai bem. Fique atento! Se ele continuar sem querer comer por algumas vezes, procure seu veterinário.

2- Agressividade: Um cão que é normalmente muito amigável pode se tornar agressivo e até mesmo tentar morder, quando está com dor intensa. Especialmente se eles são tocados em uma área que dói. Outros podem buscar mais atenção de sua família, muito mais do que o habitual. Outras mudanças de comportamento, como se recusar a subir as escadas, não querer abaixar a cabeça para comer ou não saltar para cima do sofá, são grandes pistas para você detectar uma dor no pescoço ou nas costas

3- Respiração ofegante: Você sabia que ficar ofegante é sinal de dor em cães? Este sintoma é muito difícil de ser detectado, uma vez que ficar ofegante é uma coisa muito normal para cães. Se seu cão ficar ofegante  de repente ou no meio da noite, Fique atento e procure outros sinais de dor.

4- Lambida: Se o seu cão está lambendo em excesso, uma área localizada, isso pode indicar que dói. Muitos cães vão lamber suas feridas, os coxins das patas feridas e outras áreas do corpo onde sente dor. Nem sempre é óbvio que alguma coisa dói, mas geralmente é fácil dizer que algo não está certo quando você pegar seu cachorro mastigando e lambendo insistentemente um determinado ponto.

5 – Mancar: Os cães podem mancar por várias razões, todas elas relacionadas à dor. Na velhice os cães costumam ter artrite. Algumas pistas de que seu cão está com dor relacionada à artrite pode ser quando ele se recusa a subir as escadas ou tem dificuldade para se levantar .Se ele for jovem e estiver mancando, pode estar com algum vidro ou outra coisa na pata ou até mesmo uma fratura.

6- Dor de barriga: Salivação excessiva é uma boa indicação de náusea e claro, vômitos, diarreia são sinais fáceis de serem identificados como dores abdominais.

7- Uivar: Gritar de dor pode ser melhor maneira de um cão para dizer às pessoas de que algo dói. É algo mais próximos eles têm de falar. Uivar ou choramingar sem motivo aparente pode ser um sinal de dor em seu cão. Saber onde a dor vem pode ser a parte mais difícil neste caso. Se o seu cachorro chora quando uma determinada área é tocada, leve-o ao veterinário.

***************************************************************


29 comentários:

  1. Muito útil. Minha cadela estava sem apetite, e ao fazer uma ultrassonografia, descobrimos que ela estava com problemas digestivos.

    ResponderExcluir
  2. Querida Magda: muito útil ,como sempre ,o seu post. As imagens também estão lindas e os cãezinhos são muito fofos!
    Bom descaso,querida amiga e volte logo.
    Bjn
    Márcia

    ResponderExcluir
  3. Linda postagem amiga Magda!
    Lembrou demais o meu fiel companheiro Snoopy,
    com todo o sofrimento que teve e não sabia nos
    dizer a dor que sentia;somente ficava quieto quase
    sem se locomover.

    bjs amiga e um bom descanso.

    Carmen Lúcia-mamymilu.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Magnífico Post para conocer un poco mejor la conducta de nuestras mascotas...Muy bueno.
    Abraços e beijos.

    ResponderExcluir
  5. Boa noite Magda, parabéns pelo arquivo...

    Passei para desejar um ótimo domingo.

    Lança o teu fardo sobre o Senhor, e ele te susterá; nunca permitirá que o justo seja abalado.
    — Salmos 55:22

    ResponderExcluir
  6. Oi Magda, é sempre importante ficarmos atentos a essas atitudes para poder socorrer logo nosso animal. Adorei a foto das meninas!!...:) Um ótimo final de semana pra vocês!]

    Bjs, Néia e Nikita

    ResponderExcluir
  7. Querida Magda,
    Muito útil esta postagem, Magda
    Adorei!
    Esperamos que voltem logo
    Linda fotinha dos seus anjinhos
    Beijinhos carinhosos de
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir
  8. Eu tenho que ter cuidados redobrados porque os meus estão bem velhinhos e qualquer sintoma pode ser um problema! A Luna tem bico de papagaio (e ela nem gosta de papagaios) e pelo menos a cada 6 meses ela sente muita dor e mal pode andar, tenho que dar anti-inflamatórios para ela parar de sentir dor. Outro dia encontrei um dente enorme caído no chão! As pessoas têm que pensar que um animal vive ao menos 15 anos e os problemas vão surgindo com mais frequência e precisam ser cuidados. Hoje mesmo eu fiz uma coisa errada e dei um ossinho de frango para a Luna e ela vomitou tudo na cozinha! Eu não aprendo, ela não pode comer osso mas ela fica com aquela cara desesperada!!!!
    A Vicky é lindíssima e branquíssima!!! Boas férias pra vocês! Curtam a vida e descansem!
    Beijos
    Laís e Pink

    ResponderExcluir
  9. Super útil tua postagem! Animais e crianças sofrendo com dor são situações que acabam comigo. Que dó!
    Bjs

    ResponderExcluir
  10. Adorei o blog flor
    Obrigada pela visita
    já estou seguindo
    bjinhoss
    http://cantinho-da-mayra.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Boa tarde Magda
    Seus posts são muito esclarecedores. Todas as pessoas que tem seus animaizinhos precisam deste conhecimento. Não tenho... mas quem sabe quando meus bebês estiverem crescidinhos.
    Um abraço
    Bruno

    ResponderExcluir
  12. Que , Deus me de a força , que mais preciso.
    Que , Deus esteja sempre comigo para guiar
    os meus passos na longa e muitas vezes tão curta
    caminhada da minha vida.
    Que , Deus esteja contigo também iluminando
    sua caminhada sempre com alegria de viver
    sempre em paz e no amor.
    Que , possa levar somente mensagem de esperança.
    Que ,Deus de me a sabedoria para mudar as coisas que eu posso mudar,
    paciência para aceitar as coisas ,
    que eu não posso mudar e discernimento para saber a diferença,
    Que , Deus seja sua fonte de água mais
    pura.
    Que ,Deus abençoe sua semana e a minha também.
    Um beijo com meu eterno carinho,,Evanir.

    ResponderExcluir
  13. Oi Magda
    Meu cãozinho morreu de câncer, foi operado, mas não teve jeito.
    Nunca mais tive um cão
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  14. Olá, voltamos da viagem!!

    Muito importante! Aqui sempre estamos de olho nos nossos bichinhos!
    Bom descanso!!

    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  15. Muito boa essa postagem! É importante estarmos atentos aos sinais que nossos pimpolhos não dão! Como você mesma disse, eles não podem falar, mas de alguma forma nos comunica de que algo não está bem com eles!!!

    Tenha uma maravilhosa viagem!!!
    Beijos e afagos de toda turminha!!!

    A Vick, como sempre, arrasando!!!
    Muito fofinhaaa *-*

    ResponderExcluir
  16. Passamos para deixar um abraço

    ResponderExcluir
  17. Bom dia Magda
    Um texto muito útil. Conhecer para cuidar melhor dos nossos amigos peludinhos. Hoje vim deixar meu abraço de afeto e carinho. Vou ausentar-me por alguns dias para descansar. Voltarei energizada. Meu coração se encherá de saudade mas esta pausa é necessária. Agradeço a sua visita ao meu recanto poético. Você o deixa iluminado com teu halo de luz. O teu carinho e a tua amizade são muito importantes para mim. Deixo beijokinhas com sabor de saudade recheadas com o carinho da minha amizade.
    Gracita
    Tem um mimo pra você!

    ResponderExcluir
  18. Oi amiga, muito bom o post!
    Aguardo a sua volta, beijos e fique com Deus!

    ResponderExcluir
  19. Já estamos com saudades...
    Beijinhos da Cookie e da Lelê.

    ResponderExcluir
  20. LINDO, LINDO LINDO! Já estou te seguindo! adorei TUDO, parabéns! Conheça meu blog: www.criscoisinhasfofas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Post muito útil!
    Até à volta!

    ResponderExcluir
  22. Pelo menos os cães expressam melhor. Já os gatos são mais reservados quando estão sentindo dor!

    Ótimo post!

    Beijinhos!!

    ResponderExcluir
  23. Eles muitas vezes sabem se expressar melhor do que muito ser humano, mas é sempre bom estar por dentro da dicas. Abraço

    ResponderExcluir
  24. Fico muito atenta aos meus cãezinhos amiga, e sempre estou investigando todo o corpinho deles p/ vê se existe algo de errado. Muito boa a sua postagem amiga, ajuda a muitos que são desligados qt aos animais! Aguardamos ansiosos sua volta, beijinhos...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela amizade e carinho queridos amigos!
      Já estava com muita saudade!
      Beijos!

      Excluir
  25. Como sempre, uma postagem muito útil minha querida!
    Acho que qdo estamos acostumados à companhia dessas criaturinhas, sabemos decifrar os sinais.
    Tenho uma "senhorinha" com 14 anos e tem dias que ela não quer comer, eu já sei que tem dor (na coluna), pois qdo toca, mesmo de leve suas costas, ela encolhe, então nas épocas frias, procuro mantê-la bem quentinha e não esqueço os remédios.
    Meu Enzo fofão um dia reparei que não parava de lamber a patolona e qdo quis olhar, não deixava. Insisti e vi que tinha um berne (eca). Veterinário urgente pra tratar.
    Os veterinários já me disseram que eles não reclamam de dor, mas sentem e muito, então atenção neles é o melhor q podemos fazer.

    Abração minha querida e um lambeijo aí na fofinha.

    ResponderExcluir
  26. Olá..vim retribuir a visita..adorei o blog..parabéns!!amo animais..principalmente cachorros!!
    http://misturinhascroche.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  27. Quem passa por aqui, aprende muito.
    Gratidão, Magda!
    Beijo!

    ResponderExcluir