10 de maio de 2012

Ula lança campanha motivando a adoção de animais adultos



Em meio a tantos animais aguardando um lar, os adultos acabam sendo deixados de lado, pois a preferência notável é pelos filhotes pequenos. Mesmo os jovens, cheios de energia e amor para dar, com longos anos pela frente, são ignorados. E por que isso ocorre? Não sabemos definir exatamente uma resposta, pois algumas limitações colocadas pelos adotantes acabam não sendo reais. Mas que tal então derrubarmos essa barreira imposta entre os animais adultos e a sua felicidade em família? Porque na verdade, eles são maravilhosos, amorosos e também precisam muito de amor e cuidados!

Podem ser mencionadas aqui as diversas vantagens de se adotar um animal já adulto, para lhe motivar a tal, como:

- (nos casos de mais responsabilidade) já estão castrados e vacinados;

- não choram à noite, não têm diarréias;

- já estão socializados, com tamanho e comportamento definidos;

- são mais obedientes e menos destrutivos que os filhotes;

- se adaptam rapidamente ao ambiente e às pessoas;

- são mais independentes;

Mas se você adotar por esses motivos, o de “levar vantagem”, serão os motivos errados para adotar um animal. Adoção é por amor, não por benefício próprio, vantagem, raça, diversão, tamanho, idade, comodismo, etc. Adote para salvar uma vida e integrá-la a sua família.

Diferente do que muitos imaginam, um animal adulto é capaz de se acostumar a um novo tutor e formar com ele um profundo elo de amizade. A adaptação será um período de paciência e descobertas, tanto quanto é feito com o filhote. Geralmente, os animais são gratos, sabem reconhecer quando conquistaram melhores condições de vida e aceitam de coração aberto o novo lar. Os que vieram de um lar temporário, onde recebem mais atenção, podem estranhar mais no começo a mudança, mas nada que o seu amor, atenção e paciência não resolvam logo na primeira semana.

Há muito animais adultos, e até idosos, que sofreram a terrível violência do abandono, por terem tido a falta de sorte de ficarem sob a responsabilidade de pessoas de má índole. Abandonados nas ruas, abrigos lotados ou alres temporários, aguardam a chance de serem felizes. Eles merecem. Eles cresceram, e com eles, o amor. Seja o protagonista desse ato de amor e transformação que é a adoção de um animal carente.

Importante:

O maior cuidado deve ser tomado com possíveis tentativas de fugas até que o animal perceba que aquele é o novo local dele, em que pode confiar e permanecer. Isso também depende de animal para animal. Então, cuidado com os portões e utilize plaquinha de identificação nele.


Nenhum comentário:

Postar um comentário