Abandono...

Bom texto para reflexão.

Eu gostaria de saber o que leva as pessoas a abandonar animais. É porque não são humanos? Não. Tanto que o fazem com crianças, também. Mas é diferente. Geralmente, as mães abandonam em casas, instituições ou jogam em rios, mas raramente isso é feito com violência.
A explicação pode ser simples: a mãe, sendo ela que gerou o filho, criou um laço, uma ligação, mesmo inconscientemente. Se já é difícil abandonar uma criança à própria sorte sem conhecê-la, imagine sendo a mãe.
Não gosto de comparar os cães com seres humanos. Alguns podem até me julgar por isso, oras. Animais não pensam, não tem alma. Humanos, sim. Falam, sentem, interagem... E por aí vão os argumentos.

E é nesse caminho que o homem fica tão violento com os animais. Afinal, supostamente ninguém sentirá falta deles. Eles nem pensam mesmo. Por que seria errado, por que seria mal-trato?

Esse é o grande problema da humanidade. Está com raiva? Desconte no outro. Não pode fazer isso? Mate cruelmente um animal. Pise nos que estão doentes. Abandone por que o filhotinho cresceu demais e está dando trabalho, e faça-o jogando-o nas ruas. Não é errado, porque não é humano, por que não é a mesma espécie.

Sinceramente, podemos ter evoluído muito. Mas nossa consciência ainda é muito primitiva. Doentia, até.

Claro. Os humanos têm que vir em primeiro lugar, mas isso não quer dizer que podemos acabar com a nossa biodiversidade. A beleza das diferentes espécies, da natureza brincando com as cores e formas, mas cada uma encaixando-se no seu lugar. Um quebra-cabeça complexo. E belo.

Para quê destruir, então? Porque não preservar? Cultivar as diferenças?

E o pior é que o melhor amigo do homem é que recebe mais maltrato. Os cães confiam e amam incondicionalmente. Alguns se tornam ferozes. Mas por puro medo; pelo trauma causado pelo próprio homem.

Quando vir algum cachorro abandonado – ou qualquer outro animal -, no mínimo ligue para a veterinária mais próxima. Irão recolher o animal, e, na melhor das hipóteses, conseguirão arranjar-lhe novos donos.

Quem dera poder chamar uma ambulância para um mendigo nas ruas, arranjar-lhe um lar e emprego.

Mas foram nos pequenos e curtos passos que a tartaruga venceu a lebre, não foram?

(Scarlet Gianasi Viana)

20 comentários:

  1. Magda querida nem gosto de ver isso me faz mal a maldade das pessoas me revolta muito diante de um bichinho acuado de medo temos muito que aprender bjs Leila

    ResponderExcluir
  2. Ótima reflexão,Magda. É muito cruel o abandono de animais,que dependem de nós.Para mim,significa trair a confiança daqueles que nos amam incondicionalmente.
    Bj
    Márcia

    ResponderExcluir
  3. Linda mesmo, faz pensar e questiona!! beijos,chica e uma semana linda!

    ResponderExcluir
  4. É o melhor amigo do homem...
    A imagem me deprime, eu não gosto de ver, mas se a gente levar para algum lugar q dizem ser seguro "protetor de animais "Suipa" aqui no RJ"... sabe, eles acabam matando os bichinhos.
    Conheço pessoas que tratam muito bem e aceitam animais abandonados, mas a conscientização é importante, pois é preciso ter condições para ampará-los.
    Animais sentem tanto como o ser humano.
    Um forte abraço e boa semana pra ti.

    ResponderExcluir
  5. Troquei a imagem.

    É realmente chocante um cãozinho tão deprimido, acuado de medo. Dói na alma isso...

    Bjs e ótima semana a todos vocês!!

    ResponderExcluir
  6. Não posso ver um cão abandonado nas ruas que quero levar para casa.

    Já recolhi vários das ruas e consegui doar alguns.

    É muito triste o abandono. Gostaria que as pessoas que abandonam seus animais também passassem por isso.

    Bjs

    ResponderExcluir
  7. oi Magda,isso para mim e muito dolorido,sempre estou ajudando esses bichinhos bjs Rosinha

    ResponderExcluir
  8. Os humanos podem ser bons, podem ser generosos, podem fazer coisas fantásticas, mas, infelizmente, alguns escolhem serem maus.

    ResponderExcluir
  9. Texto ótimo para refletir!
    Abandono de animais é mesmo triste! Não sei como pessoas conseguem fazer isso com esses bichinhos indefesos...

    Beijos é ótima semana!!!!

    ResponderExcluir
  10. Oi Magda! É triste saber que tem gente que não tem coração e abandonam seus animaizinhos...

    Uma ótima semana pra ti, bjus!

    ResponderExcluir
  11. Acho que o homem se torna e é pré-histórico não só na questão dos animais abandonados como você explicou perfeitamente..mas de um modo geral com suas atitudes com humanos, animais e meio ambiente.Bjs.Sandra

    ResponderExcluir
  12. Tem razao, Magda!!
    Animais nao se abandonem!

    Feliz semana.
    Woof, woof,

    Chicco

    ResponderExcluir
  13. Texto perfeito!
    E olha minhas peludas são como filhas, eu nunca abandonaria nenhuma delas por nada!!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Amiga, no dia em que os " humanos " que maltratam os animais, descobrirem o amor verdadeiro, vão saber exatamente do que falamos.

    Bjsssss

    Obrigada pelo carinho

    ResponderExcluir
  15. A humanidade é capaz de fazer cada coisa!!! Pra mim, hoje é impossível desfazer do meu peludinho, claro que não devemos compará-los com humanos, mas por isso não devemos desmerecê-los, se "pegamos" um animal, temos que cuidar deles na saúde e na doença, até os últimas dias de vida dele, com um amor também incondicional. =*

    ResponderExcluir
  16. A humanidade tem que mudar urgente, e de várias formas!

    ResponderExcluir
  17. O Abandono é realmente muito, muito triste.
    Ainda bem que existe pessoas boas e com um grande coração.
    Adorei o texto!

    Beijos da sua amiga que te gosta muito
    Andrea

    ResponderExcluir
  18. Que coisa feia abandonar os "Bichinhos", né Tia Magda?
    Esses humanos tem cada uma...
    Uma linda semaninha para você e a Vicky
    Lambeijos e Ronrons de
    Pepi, Xixo, Juja e Jujuba

    ResponderExcluir
  19. Passando para te desejar um bom dia!!Bjs.Sandra

    ResponderExcluir
  20. Olá amigas! Obrigada pelos comentários!

    Eu acho que o Abandono é uma das piores coisas que o ser humano pode fazer ao outro.

    Abandonar um filho, um lar, um parente, um amigo...É muito triste para quem está sendo abandonado, deixado de lado...

    E os animais? Que não têm como se defender, que não sabem como andar nas ruas, que não sabem pedir comida, água...Meu Deus! Precisa ser muito cruel e sem alma quem abandona seres tão frágeis e indefesos como os cães e gatos.

    Realmente, a humanidade, na sua grande maioria, só pensa em si, só pensa no Ter cada vez mais.

    É claro que existem pessoas iluminadas, que nasceram para fazer bem ao próximo e aos animais. Graças a essas pessoas a humanidade não está totalmente perdida.

    O ser humano precisa evoluir muito ainda, enquanto isso o abandono, o sofrimento, o desamor, a indiferença, continuaram a existir, lamentavelmente.

    ResponderExcluir