*Chocolate pode causar intoxicação em cães*

Sempre que chegam épocas festivas como Natal, Reveillon e Páscoa, sem contar os aniversários e outros temas afins Médicos-veterinários alertam seus clientes para que eles evitem dar guloseimas dessas festas para seus cães ou gatos.

Na época da Páscoa, onde “brota” chocolate por todo canto, é a fase crítica para intoxicação por chocolate em cães!! Chocolate não faz bem à cães. É muito perigoso e pode levar ao coma e até mesmo à morte.

O chocolate tem em sua composição uma substância chamada Teobromina (encontrada no cacau), que são rapidamente absorvidas após ingestão oral e são estimulantes poderosos do sistema nervoso central e do coração. A Teobromina provoca um intenso aumento no trabalho muscular cardíaco associado à uma grande estimulação do cérebro, ocasionando arritmias cardíacas graves em cães. 

A concentração dessa substância no chocolate pode ser de 3 a 10 vezes maior do que na cafeína, por exemplo e a quantidade dela para intoxicar gravemente um cão é calculada em torno de 100 a 200 mg/kg. Porém, há relatos de sintomas de intoxicação, como vômitos e diarréia, com ingestão de apenas 20mg/kg; e também há relatos de sintomas de efeitos cardiotóxicos com ingestão de 40 a 50 mg/kg de chocolate. Há, ainda, relatos de efeitos drásticos com a ingestão não só de chocolate em barra, mas também de chocolate em pó dissolvido em leite e oferecido à cães. 

Geralmente, os efeitos clínicos dessa intoxicação são percebidos entre 6 a 12 horas após a ingestão do chocolate. Os sintomas iniciais são: aumento da ingestão de água, vômito, diarréia, dilatação abdominal e inquietação (incômodo, agitação). O quadro pode evoluir para hiperatividade, aumento do volume urinário, ataxia, tremores e estado de apreensão. E, mais fatidicamente, aumento da frequência dos batimentos cardíacos (taquicardia), aumento dos movimentos respiratórios (taquipnéia), azulamento das mucosas (cianose – falta de oxigenação nos tecidos), hipertensão, aumento da temperatura corpórea e o quadro pode, enfim, evoluir para hipotensão, queda da temperatura corpórea, coma e morte. 

Ainda há o fato de que, como o chocolate possui grande quantidade de gordura, o pâncreas também sofre importantes danos. 

O tratamento é difícil, objetivando a estabilização das funções vitais do organismo de acordo com a sintomatologia que está ocorrendo. 

Bom, como os casos de ingestão de chocolate podem ocasionar fins drásticos, o melhor é evitar que seu cão coma chocolate. E essa dica não está restrita apenas à época da Páscoa, mas à todos os dias do ano. 

Por Saúde Animal.


              **Outros alimentos proibidos para seu peludo**

Doces dietéticos – Produtos adoçados com xilitol podem causar danos hepáticos e até a morte em cães mais sensíveis. Isso inclui goma de mascar, balas, biscoitos dietéticos e pasta de dentes.

Noz macadâmia – Pode causar fraqueza, vômito, tremores e hipertermia em cães. Os sintomas duram até dois dias, e aparecem após 12 horas da ingestão.

Álcool e  café – As metilxantinas e especialmente a teobromina presentes nessas substâncias podem causar vômitos, diarreia, falta de ar, sede e urina excessivas, hiperatividade, aumento da frequência cardíaca, tremores, convulsões e risco de morte nos animais.

Uvas e uvas passas – Podem causar insuficiência renal em cães se ingeridas em grandes quantidades; mesmo uma pequena quantidade de uvas pode causar problemas renais no cão. Cuidado com os chamados “panetones caninos” com uva passa; dispense esse petisco. (veja atualização no final do artigo)

Abacate - A fruta, sementes e casca podem conter uma toxina chamada Persina. Melhor não arriscar.
Massa de pão e bolo crua – O fermento contido na massa crua pode se expandir no estômago do animal e causar dor ou ruptura intestinal. O risco diminui depois que a massa é assada.

Alho – Nunca dê alimentos temperados com alho para o seu cachorro, apesar de saudável para os seres humanos o alho destrói as células vermelhas do sangue dos cães e pode causar anemia e, em casos mais graves, falência renal por perda de hemoglobina.

Cebola – A cebola embora seja boa para humanos, é prejudicial às células sanguíneas dos cães. A diferença é que a cebola causa danos cumulativos à hemoglobina, ou seja, toda a cebola que o seu cachorro ingerir na vida vai causar pequenos danos irreversíveis que vão se acumulando com o tempo até o dia em que os sintomas aparecem.

Comidas com muito sal ou gordura – O excesso de gordura pode causar mal-estar estomacal e pancreatite; o excesso de sal pode aumentar o risco de desenvolver toxicose do íon sódio. Além disso, podem causar diarreia e vômitos.

Ossos – São um perigo para os animais, pois podem causar engasgos ou perfurar o trato digestivo. Além disso, carne ou ovos mal cozidos podem causar intoxicação bacteriana. Atenção: ossos crus podem ser dados, em quantidades moderadas. O perigo está nos ossos cozidos, que se tornam quebradiços e podem machucar o trato gastrointestinal do animal.



21 comentários:

  1. Oiiiiiiiiii Magda, vc nao imagina os cuidados que eu tenho com a minha patudinha canidea por caua dos chocolates, +e que eu tenho filho pequeno e por mais que eu fale que ela nao pode comer eles sempre teimam em dar um pouco e eu fico brava né? ja ficaram ate de castigfo sem chocolates por cauda disso!!! Super protetora com nossos amiguinhos mais que perfeitos!!! Amos de coraçao!!!

    Beijocas

    Margarida

    ResponderExcluir
  2. oi Magda como sempre seu post está ótimo bjs Rosinha

    ResponderExcluir
  3. Ai...ai...ai...Tia Magda!!!
    Eu recebi os beijinhos que a tia me mandou através do blog da tia Lelê, então aproveitei que ela está no trabalho e vim deixar um beijinho pra você... MAS!!! Tia Magda?! Estas coisas importantes assim não devem ser contadas para os humanos, pois euzinha AMODORO um pedacinho de chocolate, até conheço o barulhinho de quando alguém está abrindo alguma barrinha aqui em casa... Sei que vocês gostam muiiiito de nós, mas não é legal falar muito sobre esses assuntos, os humaninhos ficam cientes e não nos dão mas essas guloseimas saborossssíssssimas!!! Ah! Mas eu continuo gostando muito de você, viu?! Porque sei que a tia gosta muito de nós bichinhos que lhes estimam tanto! prometo que vou me controlar também e nem pedir chocolate para tia Lelê, tá bom?! Lambidinhas carregadinhas de carinho da Cookie.

    ResponderExcluir
  4. Olá Magda: este post é um excelente alerta para os donos que ,se calhar por não saberem, estão a prejudicar seriamente os seus queridos animais. Como gostamos tanto de chocolate ,achamos que o devemos partilhar com quem amamos.
    (Também adorei as músicas de fundo,tão suaves e relaxantes).
    Bjs
    Márcia

    ResponderExcluir
  5. Magda, é sempre bom tocar neste assunto, pois as vezes sem querer podemos fazer mal aos nossos queridos companheiros.
    Quero aproveitar para te desejar um feliz 2013, que seja maravilhoso.
    beijos

    ResponderExcluir
  6. Belo alerta e minha CUCA adooora,rs beijos,chica

    ResponderExcluir
  7. Estava com saudades daqui *-*

    Ótimo post Magda!!! Eu tenho todo cuidado com meus pimpolhos para que eles não comam guloseimas. A Mel mesmo adora! Se der um vacilo, ai ai! rsrs

    Super beijos querida e doce sexta-feira pra você!!!!

    ResponderExcluir
  8. É bem verdade!
    O veterinário dos meus bébés já me disse muitas vezes isso.
    É mesmo muito tóxico, podemos estar a pensar que estamos a mimar e estamos a prejudicar.
    Excelente post.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  9. Oi Magda, aqui em casa, fiz um "acordo" (unilateral) com os cachorros: EU NÃO COMO DA COMIDA DELES E ELES NÃO COMEM DA MINHA...
    Com criança em casa é mais difícil, eu lembro ;-)

    Abração
    Jan

    ResponderExcluir
  10. CONCORDAMOS PLENAMENTE, COLEGA MAGDA! AFINAL DE CONTAS COMIDA HUMANA, É PRA HUMANOS, NÃO É MESMO?
    AMAMOS O CABEÇALHO DO BLOG. TÁ LINDO, VIU? PARABÉNS!
    TENHA UM ÓTIMO FINAL DE SEMANA.
    UM ABRAÇO BEM BONITO, DA DONA GAM, DA MAUAU E DO GATITO! :)

    ResponderExcluir
  11. Olá Magda! Muito importante este post, pois tem muita gente que de vez em quando ainda dá chocolate aos animais, e realmente é muito tóxico.
    Graças a Deus Cindy nunca comeu.

    Beijos querida, tenha um final de semana maravilhoso!

    ResponderExcluir
  12. Oi Magda, obrigada pela visitinha! Eu já cansei de falar essas coisas para o meu marido mas não adianta nada e ele continua dando chocolate para o Barum, aliás ele reparte tudo que ele come com o Barum! E o danado já vai fazer 14 anos!!! Acho que ele é muito forte e aguenta comer até pedra!
    Beijos
    Laís

    ResponderExcluir
  13. Adorei o texto. Sabia que o chocolate era perigoso, mas não sabia que era assim. Muita paz!

    ResponderExcluir
  14. Nossa! Amiga!
    Obrigada pelas Informações
    Tomo o máximo de cuidado com a Ellen
    Ela come muitas frutas com ração
    Melão, maçã e Banana
    Adora Cenoura
    Já dei uma Bolachinha maisena, mais não vou dar mais

    Beijos no seu Coração e um Lindo Final de semana
    Andrea

    ResponderExcluir
  15. Isto é verdade... não vou ser hipócrita e dizer que nunca dou essas guloseimas para as meninas... dou sim, mas são pedacinhos minúsculos só para elas ficarem felizes, principalmente a Miuka que é alucinada por doces... beijocas e um ótimo final de semana.

    ResponderExcluir
  16. eu sabia q chocolate faz mal mas amei ver assim tão explicado! bjsss

    ResponderExcluir
  17. Ótimos conselhos!

    Passando para desejar um domingo aubençoado!
    Lambeijinhos da Brenda!

    ResponderExcluir
  18. Oi amiga querida, que informações importantes p/ os nossos amiguinhos né?

    Passei p/te desejar uma semana maravilhosa e avisar que tem sorteio MOCOCA lá no blog, passa lá....

    Bjsssssssssssss querida

    ResponderExcluir
  19. Olá!!
    Todo cuidado é pouco com nossos peludos!
    Precisamos ter em mente que os cães têm o organismo bem diferente do nosso, portanto, não é nada aconselhável que eles ingiram qualquer um desses alimentos proibidos, citados nessa postagem.
    Uma boa ração tem todos os nutrientes que os cães necessitam para ter uma vida saudável.
    Beijossss com carinho!

    ResponderExcluir
  20. Oie,

    Magda, eu nunca dei esses alimentos de humanos para os meus cãezinhos. Mas, você acredita que minha vizinha tem um abacateiro, e de vez em quando cai um abacate no meu quintal...menina, meu Smell corre, pega e vai comê-lo no seu cestinho...fico louca quando vejo...

    beijinhos,

    Lígia e turminha ✿⊱╮

    ResponderExcluir
  21. Olá Magda, :)

    Passei para conhecer o seu espaço e adorei esta sua publicação acerca dos nossos patudinhos !
    Tenho 2 felinas, lindas e também tento ter imensos cuidados com elas ! :)

    Por acaso já tinha também publicado no meu Blog do Chocolate um artigo acerca dos malefícios do chocolate para eles ! :-)

    Adorei o seu espaço ! :)

    Beijinhos grandes

    Isabel
    www.blogdochocolate.com
    http://brisa-maritima.blogspot.pt

    ResponderExcluir